Duelo CnC – Ozzy Osbourne vs. Iron Maiden

Olhaí sagüizada! Fazendo esses reviews de shows, tive uma grande idéia para uma nova seção do blog! Ma oeeeeeeee ma vem pra cá vem pra cá…. chegou a hora do…
DUELO CNC!!!

(tá, eu sei que essa figurinha tá muito safada, prometo providenciar uma melhor assim que meu photoshop resolver cooperar!)
A idéia é bem simples: sobem no “ringue” dois competidores opositres, o ying e o yang, o seco e o molhado, o Claudinho e o Buchecha, A Devassa Sandy e o Junior. Eles serão avaliados em diversos aspectos que eu mesmo vou inventar. No final, assim como Highlander, só pode haver um! E que vença o melhor! Logo de cara, preparem-se para o duelo do século…
Isso Mesmo! uma batalha épica – e tinhosa entre o madman Ozzy Osbourne e os cabeludos do Iron Maiden. Um duelo satânico entra Lúcifer e Belzebu, entre Diabo e o Satanás, entre o Tinhoso e o Amaral!
Como fui em “ambos os dois” shows muito recentemente, nada melhor que eu seja o Juiz de tão intensa disputa! Tudo bem, sempre fui mais inclinado para o lado do Iron, mas vou tentar manter a disputa tão justa quanto possível!
*Nota: essa disputa avalia o último show de cada banda em suas respectivas turnês, e não os artistas em si. Por que avaliando as bandas em si, sou Iron desde criancinha e acho que o Dio come (ou comia) Ozzy Osbournes com cereal no café da manhã.
1. Empatia com o público: Bom, tenho que admitir que sempre é emocionante ouvir o Bruce Dickinson do Maiden falar “Scream for me Curitiba”, mas o show deles foi tanto quanto mecânico, e esse famoso bordão do Bruce já está manjada. Agora o Ozzy quando entrou sorrindinho no palco conseguiu amolecer até o meu coração de pedra. Ponto para o madman!
 1 X 0 
2. Banda: É incontestável que a banda de Ozzy seja excelente, com músicos competentes e tudo mais, mas ela mudou mais do que eu mudo de cueca ao longo dos anos e falta uma identidade. O Maiden preservou essa formação atual quase por toda sua carreira, com leves variações. Fora que desde o começo da carreira lá no Black Sabbath eu nunca entendi dieito o que o Ozzy fala, que dirá agora. Já titio Bruce mostra que continua poderoso no vocal (lógico, desgastado pela idade), mas ainda assim foda. Ponto pra Donzela!
 1 X 1 
3. Estrutura: O show do madman se resume à ele no palco com a banda (e um gongo que nunca é usado). Shows do Iron em contrapartida sempre possuem uma produção esmerada, com cenários bonecão do posto Eddie, etc (apesar de Curitiba não ter visto o Eddie de 8 metros!). Up the Irons!
 1 X 2 
4. Relevância: Tudo bem, Iron mostrou seu trabalho novo e tals, enquanto que Ozzy só tocou uma do seu disco novo. Mas, contudo, entretanto, todavia… ouvir pela primeira vez ao vivo clássicos como Iron Man  e Paranoid do Black Sabbath teve MUITA relevância pra mim. Ponto pro comedor de morcegos!
 2 X 2 
5. Técnica: Aí não tem nem discussão. Ozzy dá altas caducadas, e o som do Iron parece estar saindo de um CD player de tão perfeito que é! Ponto pro Maiden!
 2 X 3 
6. Qualidade do som: Aí a coisa muda de figura: apesar do Iron apresentar um som impecável, o local não colaborou: o som estava muito bom, porém muito baixo. Volta Pedreira! Já a Arena Anhembi não fez feio e ajudou o madman a ganhar neste quesito! Ponto!
 3 X 3 
7. Atitude Rock’n’Roll: Bruce dedicou Blood Brothers a todos os fãs. Bicha. Quando começou a chover no show do Ozzy, ele chegou na beira do palco pra se molhar junto com a galera e falou “Fuck the Rain!”. tr00.
 4 X 3 
8. Mosh Pit: Ozzy tocou umas músicas “bonitinhas” tipo Mama I’m Coming Home e todo mundo acendia os isqueiros. Durante The Trooper do Iron, levei altas porradas no osso esterno que estão doendo até agora. tr00.
 4 X 4 
9. Duração do show: Mas esse é polêmico, ma oeeeee! Dizem que o show do Ozzy foi muito curto. Bom, ele teve 15 músicas contra 16 do Iron, então pode-se dizer que os dois shows foram um tanto quanto curtos! Eu que mando nessa merda, então declaro empate nesse critério!
 5 X 5 
10. Setlist: Pode-se dizer que nos dois ficaram faltando algumas músicas que a galera estava ansiosa para ouvir. Mas, de maneira geral, o Iron tocou mais músicas que achei um tanto desnecessárias, e podiam ter aproveitado o espaço para reanimar outros velhos clássicos! E que putaria é essa dos shows no Chile e na Argentina terem mais músicas?! Isso é uma putaria!! PU-TA-RIA!!! Ponto pro Ozzy!
 6 X 5 
É macacada… é difícil para mim admitri, mas…

… por pequena margem Ozzy papou nosso primeiro duelo CnC!
Ganhou numa batalha clara e justa contra o Iron e…. ESPERA UM POUCO!!!
MA QUE PORRA É ESSA BATIMA? ESSE VELHO VIADO NÃO GANHOU MERDA NENHUMA!!! TIRA O PRÊMIO DELE!
ISSO AÍ, UP THE IRONS!!! NADA DE TRAIR O MOVIMENTO, VÉI!
  • heuheuhueeh , Sou Mais Iron Maiden Mas Respeito seus critérios utilizados para fazer a comparação , ^^

  • HUhauuhahuahuahua! Também sou muito mais Maiden, mas quis dar um chance pro veio caduco do Ozzy. Mas posar pra foto com Justin Bieber foi forçar a amizade demais! hehehehe!Abraço!

  • legal demais,curti pra carai.gosto muito dos dois mas sou fã de Maiden daí fica foda torcer pro Ozzy né.

    • o show do Ozzy foi muito bom, porém curto… o do Iron foram meio infelizes na escolha do local (pelo menos aqui em Curitiba)… mas sou suspeito para falar! UP THE IRONS!

  • Este comentário foi removido pelo autor.