Tomb Raider – Review

Lara Croft Begins? É isso aí garotinho!

PrimeiraFiguraDosPostsdeREVIEWSdeGAMES-Template

Uma das franquias de games que andava mais desgastada que meu pau na sua bunda era a série Tomb Raider. A musa da era dos 32 bits há anos estava patinando no lugar, e não tinha feito um debut à altura de sua fama nessa nova geração.

Bom, antes tarde do que nunca, e agora finalmente a Square Enix e a Crystal Dynamics chegam pra provar que não estão para brincadeira, e entregam um jogo que conta o começo épico de Lara como heroína.

ads_Tomb_Raider_2013

Longe de ver a musa como uma heroína experiente, aqui ela é uma patricinha recém-saída da faculdade, em sua primeira expedição. Obóvio que dá tudo errado, o navio naufraga, ela se separa do restante da tripulação e o caralho a quatro… e isso mal é o começo da desgraça, a partir daí a pobre Lara vai comer o pão que o diabo amassou para sobreviver!

tomb-raider-2013-game

tomb_raider

A ação acontece em uma ilha próxima ao Japão, isolada do restante do mundo devido à uma entidade misteriosa que ataca com ferozes tempestades todos que tentam sair dela. Tal entidade está de alguma forma associada à Himiko, a ‘rainha-sol’ de uma civilização antiga que habitava aquela ilha. Além disso náufragos de diversas gerações, por não conseguirem sair da ilha, acabaram formando uma comunidade de gangsteres a la Mad-Max, os ‘Solarii’, que tentam a todo custo ressucitar Himiko na esperança de um dia sair da ilha. Pra melar ainda mais o angu, esses Solarii acham que a companheira de viagem de Lara, Sam, é a reencarnação de Himiko, e, logo, um sacrifício ideal.

Tomb Raider_2013 1

Cabe à uma jovem e inexperiente Lara Croft resolver todo o mistério, enquanto cai, apanha, leva tiro, flechadas, desaba de barrancos de maneira fadigante. Dá pra tomar uma Kaiser antes?

A narrativa cinematográfica, jogabilidade impecável e belos gráficos dão um charme único ao jogo, e o tornam uma experiência inesquecível: você vai sofrer com Lara a cada curva, ao mesmo tempo que fica deslumbrado com os belos cenários.

Tomb Raider_2013 3

O jogo também traz um sistema de níveis e skills, que evidencia ainda mais o fato dela ser uma aventureira inexperiente, e que vai melhorando suas habilidades conforme vence os obstáculos pelo caminho. Complementa o inusitado sistema de jogo a parte de melhorias de armas com ‘salvage’, que você faz umas adaptações quase que caseiras no melhor estilo FarCry 3.

lara_croft___exploration_tomb_raider_2013-wallpaper-1024x576

A trilha sonora complementa a história como uma luva, dando um clima de tensão e desespero impressionante. A primeira vez que Lara mata um dos capangas e fica chorando, segurando a arma com as mãos trêmulas, é uma das cenas mais emocionantes do jogo. Tudo bem que daí em diante a mina já vira o Rambo e mata vinte neguinho ao mesmo tempo, mas enfim…

Tomb-Raider-2013-00

Dos poucos contras do game (além do sofrível multiplayer que vi galera reclamando por aí), citaria apenas o sistema de caça, que é exaltado bem no começo do game, e depois completamente esquecido, e sua curta duração: mesmo com 100% dos colecionávies e tumbas secretas, o game não deve render mais que umas 12h de jogatina (umas 8 se você focar apenas na campanha), curtíssimo para um game sandbox como ele.

tomb-raider-2013-wallpaper-9

Enfim, (poucos) problemas à parte, o ‘reboot’ moderno de Tomb Raider é uma jóia rara (ahn, ahn, sacaram?), e definitivamente, DEVE ser jogado por qualqer gamer que se preze. Fiquei com gostinho de quero mais, acho que agora vou partir para o Uncharted!

Notas-45

  • Terei que me conter apenas com esse game em relação ao gênero de survivor já que a MerdaBox 360 não possui em sua lista de games o fodástico Uncharted (MALDIÇÃO!!)…sobre o review. Pombas como sempre foda, mas eu estava pensando Rodrigo Balão, que tal um dia um Game-Play de vcs ai do Cocô na cuia!? Sei que táh numa modinha, mas seria bem foda, imaginem só, a narração iria ficar hiláriamente engraçado!!

    Um abração, e como sempre, 10!!

    • Fala Cidão! Ótima idéia! Inclusive já está nos planos aqui do pessoal do CNC! Ainda por cima, uma maratona de 24 horas foi cogitada, para mostrar nossos estados antes e depois da jogatina! uhauhahuaua!

      Abraços!