Steam Diaries – The Cave

PrimeiraFiguraDosPostsdeREVIEWSdeGAMES-Template

Fala xibungaiada! Prometido e (mal) cumprido! Quase duas semanas após o término da Steam Summer Sale, CNC começa a fazer os reviews de tudo que rolou de bom (ou não) nesta super queima (ui!) de estoque!

Pra começar a rodada, o jogo que mais me chamou a atenção. E não, não foi nenhum jogo blockbuster grandioso, e sim um simpático joguinho ‘sidescroller’ (plataforma, pra você que não manja dos paranauê dos english) idenpendente, chamado ‘The Cave’.

Cave02-620x

O jogo é da Double Fine, estúdio de Tim Schaffer, o que por si só já é um pontasso a favor. Tim Schaffer, para quem não sabe, foi responsável por um dos clássicos absolutos do gênero adventure nos anos 90, ‘Full Throttle’ e, mais recentemente, o igualmente fantástico ‘Brütal Legend’. Se bem que quem assina este game agora é Ron Gilbert.

Cave03-620x

Mas voltemos ao jogo. ‘The Cave’ conta a história de sete aventureiros  que precisam aventurar-se (der) em uma inóspita caverna em busca daquilo que lhes é mais precioso. Prepare-se para ver aqui vários arquétipos do gênero: o cavaleiro, a cientista, o caipira, a viajante do tempo, o monge,  a aventureira e dois gêmeos bizarros. Dentre as sete opções, você escolhe três para o grupo. Isso aumenta o replay value do jogo, para jogá-lo em toda sua plenitude é necessário zerá-lo ao menos três vezes.

Cave04-620x

Não se deixe enganar por alguma pretensa profundidade do roteiro, a história (narrada pela própria caverna falante por sinal) é permeada de humor, muitas vezes até bastante ácido e politicamente incorreto.

A jogabilidade é bem parecida com o saudoso ‘Lost Vikings’ (alguém lembra?), onde cada um dos personagens possui uma habilidade específica, e você precisa trabalhar em conjunto com os três para superar desafios, resolver quebra-cabeças e prosseguir na história.

Cave05-620x

Cada personagem possui uma ‘dungeon’ personalizada dentro da Caverna (i.e. o cavaleiro um castelo, a viajante do tempo um museu, o monge um templo, e por aí vai), por isso a necessidade de jogar várias partidas para completá-lo 100%.  

Cave07-620x

O único grande contra do game é ele ser extremamente curto. Mesmo com essa grande quantidade de ‘replays’, ele não duraria mais do que umas 6-8 horas de jogatina (a menos que você seja muito burro e empaque nos puzzles).

Enfim, ‘The Cave’ é uma grata surpresa, e a prova mais que concreta que jogos não precisam de super produções, tampouco gráficos extraordinários para divertir! Paguei 8 pila na Steam Summer Sale. Recomendadíssimo!

Notas-40