Oscar 2015 – Downloads ilegais de filmes aumentam 385% após nomeação

Birdman

A nomeação dos filmes indicados ao Oscar aconteceu no dia 15 de janeiro, e apenas um mês após a cerimônia, os downloads ilegais dos longas que concorrem a estatueta aumentaram em 385%. Segundo a pesquisa do site Irdeto, o aumento nos downloads piratas fez com que os estúdios perdessem cerca de US$41 milhões (R$117 milhões) neste mês.

O “especialista” em pirataria virtual (especialista em pirataria?! huahuahuahuahua!) Rory O´Connor disse que um dos jeitos para diminuir a pirataria, e consequentemente, a queda nos lucros, é lançar o filme nos cinemas e na internet simultaneamente, como a Netflix pretende fazer este ano.

“No mundo da re-distribuição da internet, a janela entre o lançamento no cinema e disponibilidade mundial de mercado pode ser simplesmente muito grande, deixando espaço para os piratas aproveitarem e oferecerem aos consumidores meios alternativos de gratificação instantânea. Os consumidores de hoje simplesmente se recusam a esperar para acessar esses filmes por meio de serviços legítimos” – Rory O´Connor, especialista do site Irdeto

Os screeners (aqueles filmados no cinema e com qualidade duvidosa) são responsáveis por 31% dos downloads ilegais. Outros meios como o Pirate Bay, que está de volta, e o Popcorn Time também ajudam na disseminação das cópias ilegais.

Z GIF HUE BR

Fonte: Adrenaline